PISA - Maggio 2018
Seminario per specializzandi e studenti del VI anno del Corso di Laurea:
L'Informazione e la comunicazione in medicina

É A RELAÇÃO INTERPESSOAL QUE REALMENTE INTEGRA e permite a realização de cada um, o crescimento da comunidade na qual vivemos, sobretudo quando esta relação tem o caráter de reciprocidade.

“Sistemas de saúde com forte orientação na Atenção Primária alcançam melhores resultados em saúde e mais equidade.”- Barbara Starfield, 1996

Na atualidade onde os avanços científicos precisam prosseguir em paralelo à adoção de princípios éticos que visam ao bem-estar de todos;
Lembremos da necessidade de cultivar uma atitude de profundo respeito à condição do outro, reconhecendo suas necessidades, seus anseios e suas potencialidades.

A saúde entre o presente e o futuro

desafios e responsabilidades para os jovens

Summer School Saúde – A saúde entre o presente e o futuro: desafios e responsabilidades para os jovens

Um desafio para todos os jovens estudantes ou trabalhadores na área da saúde!

Sendo a Saúde hoje multidisciplinar e complexa, a necessidade de uma abordagem holística que requer competências técnicas e científicas mas também humanas que muitas vezes são esquecidas é premente.Por isso, de 3 a 6 de Setembro irá realizar-se em Lisboa, Portugal, a Summer School de Saúde 2015, um laboratório aberto de diálogo, partilha de experiências e workshops onde será aprofundada a cultura da reciprocidade como fundamental para o exercício de uma Saúde ao serviço do outro, com particular enfoque em duas temáticas principais - os relacionamentos e a ética. Queremos que sejam dias construídos por todos e por isso contamos contigo!

SCARICA IL PROGRAMMA / DOWNLOAD THE PROGRAM

REGISTRATION FORM   /  SCHEDA DI ISCRIZIONE  /  FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

A saúde integral Flavia Caretta A pessoa, seja qual for o papel que desempenhe, ou qualquer função que represente na sociedade, é titular da responsabilidade de mudança. A pessoa que, envolvendo outras, e partilhando suas ideias e aspirações, contribui para criar uma cultura de participação, de acolhida e de comunhão. Se este método for colocado em prática por vários profissionais, pode-se prever a realização de uma experiência de saúde global da pessoa, nas suas dimensões bio-psico-social e espiritual. Nesta perspectiva, as diversas soluções dos problemas que se deve enfrentar não nascerão apenas de um modelo teórico de referência, mas será a concretização das exigências autênticas de cada um.

pdf Clik para ter acesso ao conteúdo em pdf (374 KB)

Este site utiliza cookies, também de terceiros, para oferecer maiores vantagens de navegação. Fechando este banner você concorda com as nossas condições para o uso dos cookies.